Nessa técnica o corpo é encarado de uma maneira artística. A gordura retirada de determinadas regiões pode ser colocada em outras partes que estejam precisando de algum preenchimento. A lipoescultura é realizada com uma pequena incisão, por onde é introduzida uma cânula que, ligada a um lipoaspirador, retira células de gordura armazenando-as num recipiente. Tais células de gordura são passadas por um processo de limpeza, filtradas e injetadas, através de seringas especiais, nas regiões onde há depressão e má definição corporal . Atualmente, a prática mais comum é a associação de uma lipoaspiração a uma lipoescultura, que confere um resultado de qualidade estética muito superior.
Apesar de a lipoaspiração e a lipoescultura retirarem a gordura localizada, a grande diferença entre elas é o fato de que apenas a lipoescultura repõe ou enxerta parte da gordura aspirada em outras áreas que precisam de preenchimento, como glúteos, vincos da face, boca, áreas de depressão no corpo.

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE LIPOASPIRAÇÃO /LIPOESCULTURA:

1. Em que tipo de paciente a lipoaspiração é o tratamento ideal?
O paciente ideal é o que encontra-se com o peso próximo ao adequado para sua altura, tipo físico e idade e que apresente alterações de distribuição de gordura localizada.

2. A lipoaspiração pode ser feita em qualquer região do corpo?
Os locais mais comuns em que ocorre gordura localizada são : face,braços, dorso, coxas, flanco, abdome e glúteos.A lipoaspiração não deve ser realizada em regiões de articulação e próximas de nervos, artérias e veias.

3. Que tipo de anestesia pode ser usada na lipoaspiração?
Depende da superfície e da quantidade de gordura que será aspirada.Nas lipoaspirações pequenas pode ser anestesia local com sedação ou peridural/raqui ou geral nas lipoaspirações maiores.

4. Quais os limites de segurança da lipoaspiração?
Lipoaspiração não deve ser considerada como substituta de perda de peso e não é um efetivo tratamento para celulite. O limite máximo para retirada de gordura é de 7% do peso corporal. O ideal é não ultrapassar 5%.Lipoaspiração pode ser realizado em várias áreas do contorno corporal no mesmo ato operatório ou conjuntamente com outras cirurgias estéticas, porém, respeitando o limite máximo de 40% de superfície corporal.

5.Como será na hora da cirurgia?
Inicialmente será administrado um medicamento com finalidade de causar sono e amnésia, posteriormente,para sua segurança serão colocados em você aparelhos para controlar sua pressão, coração, pulso, pulmão.Depois a paciente será submetida à anestesia adequada à lipoaspiração pré determinada.
Quando a cirurgia terminar será colocado uma malha modeladora especialmente desenhada para lipoaspiração. A alta hospitalar poderá ser no mesmo dia ou no dia seguinte, conforme a proporção da cirurgia, juntamente com a receita dos medicamentos que deverão ser usados.

6. Qual o tamanho das cicatrizes de Lipoaspiração e onde ficam localizadas?
As cicatrizes são pequenas ,aproximadamente de 5 à 10mm e geralmente se localizam em regiões escondidas. A utilização de protetores da pele durante a cirurgia proporciona cicatrizes de alta qualidade, quase imperceptíveis.

7. Qual o tempo de cirurgia de lipoaspiração?
Depende da dimensão da lipoaspiração, mas, geralmente tem duração de 1 à 4 horas.

8.Como é realizada a lipoaspiração?
A cirurgia de lipoaspiração pode ser realizada com algumas variações técnicas de acordo com a experiência e opção do cirurgião. Nós utilizamos à técnica tumescente que é a introdução de grande quantidade de fluído fisiológico juntamente com substâncias vasoconstritoras para facilitar a retirada da gordura e diminuir o sangramento; a gordura é retirada através de cânulas, especialmente desenhada para este fim, e aparelhos que criam vácuo. Estas cânulas atualmente apresentam uma espessura de 2 à 5 mm.

9.Quais são os riscos?
Felizmente complicações devidas à lipoaspiração são infreqüentes. Todos os anos milhares de pessoas se submetem a este procedimento com sucesso. Mesmo assim é importante salientar que as complicações, embora que infreqüentes,podem ocorrer, dentro da raridade de complicações, as mais comuns dizem respeito a alterações sangüíneas como anemia, infecção,manchas e irregularidades na pele, perfuração da cavidade abdominal, embolia pulmonar e complicações anestésicas. Seromas (acúmulo de líquidos abaixo da pele) e hematomas( acúmulo de sangue) ,normalmente resolvem-se espontaneamente ou podem ser tratadas no consultório de forma simples.
Algumas vezes após a cirurgia,algumas áreas podem apresentar alguma sensação de anestesia(diminuição da sensibilidade), ou equimoses(manchas vermelhas), ambas desaparecem com alguns meses. Outras vezes pode evoluir com pequenas nodulações, que desaparecem com o tratamento pós operatório. É importante salientar que uma equipe bem treinada é fundamental para o sucesso de qualquer cirurgia.

10. Quanto tempo de internação na cirurgia de Lipoaspiração?
Geralmente, o tempo de internação é de 8 à 24 horas para observação.

11. É necessário usar dreno na Lipoaspiração?
Não, alguns cirurgiões indicam em lipoaspirações grandes. Nós não utilizamos.

12. Quanto tempo deve usar cinta no pós-operatório?
Durante 30 à 60 dias com o objetivo de reduzir o inchaço e a incidência de irregularidades/ fibroses.

13. É dolorido o pós-operatório de Lipoaspiração?
A queixa de dor varia de paciente para paciente, mas de qualquer maneira a utilização de antiinflamatórios e analgésicos torna o pós-operatório confortável.

14. Existe alteração de sensibilidade no local operado na Lipoaspiração?
É sim comum a diminuição da sensibilidade no local devido ao inchaço ao redor dos nervos da região lipoaspirada, mas essa sensação volta gradativamente ao normal com o tempo.

15. Como é o pós-operatório?
Ao término da cirurgia o resultado do novo perfil do corpo já pode ser observado.
Durante as 4 primeiras semanas grande parte do inchaço desaparece podendo-se visualizar aproximadamente 60% do resultado final, com mais 30 dias cerca de 80% do resultado ja é evidente, e os 20% restantes aparecem entre o 4 e o 6 mês do pós-operatório.

16. Como será o resultado da lipoaspiração?
A lipoaspiração reduzirá áreas de depósitos de gordura permitindo um melhor contorno corporal, com melhora da auto-estima e bem estar pessoal. Você deverá retornar para acompanhamento durante 6 meses, onde serão esclarecidas dúvidas que possam existir. Nesta época serão realizadas novas medidas para controle do resultado pós-operatório.

17. Com quanto tempo pode ou devem ser retirados os pontos?
Geralmente em torno do 7º dia do pós-operatório.

18. Com quanto tempo posso retomar as atividades físicas?
Varia de paciente para paciente e do porte da lipoaspiração, a volta ao trabalho geralmente ocorre de 7 à 14 dias de pós-operatório, e os exercícios físicos em torno de 1 à 2 meses.

19. Posso associar à lipoaspiração a outra cirurgia plástica?
Sim, a lipoaspiração pode ser associada a outros procedimentos, principalmente à abdominoplastia e cirurgia de prótese de mama,sempre respeitando um tempo cirúrgico total máximo de 4 à 5 horas para segurança da paciente.

20. Haverá alteração na lipoaspiração no caso de gravidez?
A lipoaspiração, geralmente, não é alterada pela gravidez, porém,o que pode alterar o resultado da cirurgia ficará na dependência de quanto a paciente irá ganhar de peso durante a sua gestação.

21. É recomendável fazer drenagem linfática durante o pós-operatório?
Sim, a drenagem linfática diminui o inchaço e o desconforto após a cirurgia. Ela deve ser iniciada mais ou menos no 5º dia do pós- operatório, com no mínimo de 10 sessões em dias alternados, isto irá reduzir também a incidência de fibrose.

22. Por que é utilizado o ultrassom no pós-operatório de lipoaspiração?
O ultrassom é aplicado para melhorar a cicatrização pós-operatória, acelerar a diminuição do inchaço e ondulações eventuais, reduzindo a incidência de fibrose. Ele tem uma ação antiinflamatória.

23.Qual a diferença entre lipoaspiração clássica e lipolight ou mini-lipo?
Não existe diferença entre elas no quesito técnica cirúrgica, a diferença encontra-se na quantidade de gordura a ser retirada, ou seja, em uma pessoa que apresenta pouca gordura, e bem localizada, é possível realizar um lipolight ou mini-lipo,com retirada de mais ou menos 300 à 400 ml de gordura, fato este que não acontecerá em outra pessoa que apresenta tecido gorduroso em excesso,sendo necessário a retirado maior de gordura. Logo, todos são termos que designam a mesma técnica cirúrgica, apenas com nomes diferentes à depender do tamanho da lipoaspiração.

24. O que é Hidrolipoaspiração (hidrolipo)?
Hidrolipoaspiração ou simplesmente hidrolipo, nada mais é do que, a técnica de lipoaspiração onde é realizada a infiltração de um líquido na gordura, constituído de soro fisiológico associado a anestésico local e uma substância vasoconstritora(adrenalina) , antes da realização da lipoaspiração propriamente dita.É a técnica mais utilizada atualmente.Alguns cirurgiões plásticos, têm utilizado essa terminologia de hidrolipo para realização de lipoaspiração de pequenas quantidades de gordura em ambiente ambulatorial,ou seja, nas próprias clínicas.

25.Existe diferença entre lipoaspiração e lipoescultura?
Sim,quando é realizada apenas lipoaspiração a gordura é simplesmente retirada e descartada pelo cirurgião plástico, já na lipoescultura, a gordura retirada é re-utilizada no próprio paciente para dar um melhor contorno corporal .Essa gordura é utilizada principalmente na região glútea, mas também pode ser utilizada em outras áreas corporais como face, sulcos e depressões do corpo.

RECOMENDAÇÕES SOBRE LIPOASPIRAÇÃO/LIPOESCULTURA:

RECOMENDAÇÕES PRÉ-OPERATÓRIO:

  • Comunicar-se conosco até 2 dias antes da cirurgia, em caso de gripe, indisposição, etc.
  • Internar-se no hospital indicado obedecendo ao horário de internação.
  • Evitar bebidas alcoólicas ou refeições muito fartas, na véspera da cirurgia.
  • Evitar todo e qualquer medicamento para emagrecer, que eventualmente esteja fazendo uso, por um período de 15 dias antes do ato cirúrgico. Isto inclui também os diuréticos.

*Avisar o seu médico sobre medicações que esteja utilizando, algumas delas deverão ser suspensas antes da cirurgia.

*Suspender o uso de cigarro 30 dias antes da cirurgia, e 30 dias após o procedimento.

  • Aumentar a ingesta hídrica, no mínimo 4 litros por dia.
  • Programar suas atividades sociais, domésticas ou escolares, de modo a se tornar dispensável a terceiros, por um período de aproximadamente 4 semanas.

*Ler , compreender e assinar o TERMO DE CONSENTIMENTO INFORMADO ,cujo o propósito é essencialmente o de informar, garantindo ao paciente uma atitude ética e digna por parte do seu cirurgião plástico.

RECOMENDAÇÕES PÓS-OPERATÓRIO:

  • Evitar esforços por 30 dias.
  • Levantar-se tantas vezes quanto lhe for recomendado por ocasião da alta hospitalar.
  • Usar meia elástica compressiva por aproximadamente 7 à 10 dias.
  • Obedecer à prescrição médica.
  • Iniciar tratamento pós operatório no quinto dia de pós cirurgia.
  • Provavelmente você estará se sentindo tão bem, a ponto de esquecer que foi operada recentemente. Cuidado! A euforia poderá levá-la a um esforço inoportuno, o que determinará certos transtornos.
  • Não se preocupe com as formas intermediárias nas diversas fases de evolução do pós-operatório. Tire conosco quaisquer dúvidas.
  • Sol e ginástica a partir de 45 dias se estiver tudo ok.
  • Alimentação normal (salvo em casos especiais).
  • Aguarde para fazer sua “dieta ou regime de emagrecimento”, após a liberação médica. A antecipação desta conduta por conta própria, poderá determinar conseqüências indesejáveis.

*Evitar o uso de roupas muito apertadas no pós-operatório imediato.